quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

Devaneios de Passos

Um País democrático é faseado de consensos, de respeito e negociações, como, algumas cedências.
A concertação social é um órgão democrático, em que as suas decisões devem ser, respeitadas, após negociadas.
Sobre isso todos estamos de acordo, sabemos que por idealismos e convicções, tanto o PCP, como o BE, dificilmente aceitariam, a baixa da TSU, por uma visão radical.
O devaneio vem do PSD, (teremos sempre que referir, o PSD de Passos) defensor em vários momentos, desta baixa e se tem uma réstia de Social-democracia, o respeito que devia, aos acordos da concertação social, não deveria por em causa negociações efectuadas.
Passos Coelho e seu grupo têm demonstrado, neste ano de oposição, que o idealismo, mesmo o seu neoliberalismo, que a Social-democracia, foi tirada há muito, do seu PSD, deixa de ser importante, para dar lugar à negação de tudo, que o governo prepõem.
Passos Coelho e sua equipa, na esperança de voltar ao governo, tem desejado, o pior cenário para Portugal, cegos de despeito contradizem-se, tudo é valido…
Que diria o Dr. Sá Carneiro, se viesse à terra e visse o seu PSD, esquecido de Portugal e da Social- democracia?
Sempre português
VitalBicho

 VitalBicho E Portugal- Google +
Comentários das notícias dos jornais e diversos